COMPARTILHAR
Capa > Marketing > Oratória

Aberturas de discursos que se tornaram clássicas

Francisco Ferraz
Publicado em: 19/06/2017

A abertura deve buscar os seguintes objetivos: (1) Captar a atenção do ouvinte; (2) despertar a sua curiosidade sobre o que você vai falar; (3) introduzir a temática do discurso. Se possível, deve ser formulada numa frase forte, elegante, e, em conseqüência, memorizável pelos ouvintes.

Como disse Mário Ferreira dos Santos, em sua obra Técnica do discurso moderno (Editora Logos – São Paulo – 5ª. Edição – 1960), a seguir citada apenas por seu título, “a habilidade nos exórdios é típica dos grandes oradores”.

Não vejo, pois, melhor forma de ilustrar praticamente este princípio que rege a escolha da abertura do discurso (exórdio) do que apresentar exemplos que se tornaram clássicos de grandes oradores da cultura ocidental.

Abertura “agressiva” perante um auditório simpático

Este texto pertence a uma coluna com acesso restrito, para continuar lendo cadastre-se e escolha entre um dos planos de assinatura.

Assine Aqui

Já sou assinante

Informe seus dados abaixo para continuar.



Esqueci minha senha

 

COMPARTILHAR

Área do usuário:

E-mail

Senha

> Esqueci minha senha

> Quero me cadastrar

Curta nossa página no Facebook Siga-nos

Opinião do leitor

Sou aluno de Ciência Política da Unidf e todos os dias acesso ao site para ler as matérias. Estou montando uma super apostila com as matérias postadas neste site e já conto com mais de 370 páginas. O material é de excelente qualidade. Vocês estão de parabéns. Tenho indicado o site a todos os meus colegas da faculdade.

Altomiro Rocha de Oliveira
Brasília - DF

Leia mais >>